0001	As Maletas de Tulse Luper
0002	Uma vida em 16 episódios
0003	Funileiro, alfaiate...
0004	...soldado, marinheiro...
0005	...homem rico, homem pobre...
0006	...mendigo, ladrão.
0007	Cozinheiro e amante...
0008	...palhaço e avarento...
0009	...algoz, vagabundo...
0010	...vagabundo, rei...	...holandês.
0011	Era uma vez,
0012	Uma bela mulher que amava	imprudentemente um homem mais velho.
0013	Era uma vez,
0014	Uma bela mulher que amava	imprudentemente um homem mais velho.
0015	Entretanto é muito provável...
0016	que todas amem imprudentemente.
0017	E
0018	Compositor, Tirano, Cão
0019	E
0020	Cantor
0021	Querida Carrie,
0022	minha mãe tinha um irmão...
0023	que lavava seu cabelo com sua	própria urina para mantê-lo negro.
0024	A avó lhe gritava para que	usasse um chapéu.
0025	Foi um surto irônico de	cinema ''Arc-en-Ciel'',
0026	a noite de novembro,	652 assuntos post-mortem...
0027	ou talvez sob a influência de Dreyer.
0028	Enviamos tudo.	Quadros, móveis, desenhos,
0029	espelhos, escadas, plantas,
0030	árvores, estátuas, fontes,	junto com os arquitetos,
0031	os jardineiros e os decoradores,	tudo a Versalhes.
0032	As Maletas de Tulse Luper.	Episódio 4.
0033	Luper, venha cá!
0034	Quero falar em	inglês com você.
0035	Tulse Luper foi levado	a Vaux Le Vicomte,
0036	um castelo nos arredores de Paris.
0037	O carcereiro de Luper, Lephrenic,	queria que estivesse a salvo,
0038	seguro, tranqüilo e... estimulado.
0039	Tulse Luper era um investimento.
0040	A França estava ocupada	pelos alemães.
0041	Bem como o castelo	de Vaux Le Vicomte.
0042	Seu comandante encarregado	era o general Foestling,
0043	um anglófilo,	historiador aficionado.
0044	Um homem interessado	em todos os tipos de línguas.
0045	Um homem como Luper, interessado	nas comunicações com o mundo.
0046	Um homem certamente interessado...
0047	em comunicar ao mundo	suas idéias sobre a história.
0048	Não existe essa coisa de história.
0049	Existem apenas historiadores.
0050	Aqui é Tulse Luper.
0051	Aqui é Tulse Luper.
0052	Estou preso em Vaux.
0053	Aqui é Tulse Luper.
0054	MALETA # 36,	EQUIPAMENTO DE RÁDIO.
0055	Tenho sido um prisioneiro	por toda minha vida.
0056	Do exército.
0057	Mas nunca uma prisão...
0058	foi tão atrativa.
0059	O Secretário de Finanças	de Luís XIV, Fouquet,
0060	construiu o castelo em Vaux...
0061	seguindo um plano	completamente novo, em 1660,
0062	com novos arquitetos,	com novos paisagistas de jardins,
0063	e novos decoradores de interiores.
0064	Despertou a inveja de seu amo,	de 23 anos, Luís XIV,
0065	que ordenou deter Fouquet, o	processou e encarcerou por toda a vida.
0066	Luís decidiu reconstruir Vaux numa	versão ampliada em Versalles.
0067	Alguns dizem que Luís ordenou que	Fouquet usasse uma máscara de ferro.
0068	Ordem. Beleza.	Natureza. Matemática. Controle.
0069	Um pequeno paraíso alemão.
0070	Uma obra-prima construída	por um homem perspicaz.
0071	Que passou metade	da vida na prisão.
0072	Ter tudo isso e ver-se obrigado	a trocar por uma cela escura.
0073	Você é escritor.	O que escreve?
0074	-Listas.	-Catálogos.
0075	Inventários.
0076	Não acredito que você	seja tão simplório.
0077	E por acaso uma lista	é algo simples?
0078	-Faça uma lista.	-Vamos começar com uma fácil.
0079	-De lavanderia.	-Dois lençóis.
0080	Quatro fronhas.	Duas lisas e duas com encaixe.
0081	Duas brancas, duas blusas.	Duas brancas, duas de cor marfim.
0082	Quatro camisetas,	quatro cuecas.
0083	Uma branca com bordado inglês.	Uma camisola.
0084	Um par de calcinhas.	16 pares de meias.
0085	Uma cinta-liga branca.	Uma toalha branca adamascada.
0086	E um jogo de doze	guardanapos adamascados.
0087	Como vê, tudo de uma casa.	Tudo de uma mesma cor.
0088	As relações domésticas	desnudadas.
0089	Riqueza, classe e tensões.
0090	Extravagâncias. E sensualidade.
0091	Talvez história.	Inclusive felicidade.
0092	Excita a imaginação do leitor.	E a lista pode ser reordenada.
0093	E colocar os catálogos em dia.	Tudo cabe nos inventários.
0094	MALETA # 37.	ROUPA BRANCA LIMPA.
0095	Todas as coisas do mundo foram criadas	para serem guardadas em...?
0096	-Um livro?	-Uma prisão.
0097	Uma maleta.
0098	MALETA # 38.	ÁGUA.
0099	Durante uns dez anos,	minha fantasia pessoal...
0100	foi a de encontrar e	adotar duas crianças.
0101	Uma menina e um menino.	Para cuidar e criar.
0102	Inclusive para me darem mais crianças.	Isso é um crime tão terrível?
0103	Talvez poderiam escrever	minha fantasia pessoal.
0104	Poderíamos falar do drama	de um velho soldado.
0105	E da fantasia secreta de	reproduzir-se.
0106	Agora que vi Vaux,	tem algo mais.
0107	Este lugar...
0108	Supondo que minha fantasia	íntima fosse maior.
0109	Vaux poderia ser	um jardim de infância.
0110	O paraíso de Vaux para crianças.	Crianças alemães.
0111	Talvez num futuro não muito distante,	para crianças francesas.
0112	Talvez algum dia...	para crianças inglesas.
0113	Não consta a resposta de	Luper a esta pergunta.
0114	Havia ouvido falar do plano	alemão da eugenia. Era darwinista.
0115	E é certo que escreveu	uma espécie de fábula.
0116	A escreveu como obra teatral	intitulada "O Acasalamento",
0117	dramatizando a criação de dois	filhos para o papel de futuros pais,
0118	um menino e uma menina, por um marquês	sem filhos do século XVII.
0119	A obra foi proibida na França.
0120	Aqui é Tulse Luper.	Sou prisioneiro de Vaux.
0121	Aqui é Charlotte Courcy.	Sou prisioneira de Vaux.
0122	Aqui é Tulse Luper.	Chamando de Vaux.
0123	Aqui é Charlotte,	chamando de Vaux.
0124	Cissie, está aí?
0125	Hippolyte,
0126	te amo mais do que palavras	podem expressar.
0127	Pode me ouvir?
0128	Pode me ouvir?
0129	Sem você, todos os dias são uma	lenta e tediosa perda de tempo.
0130	Entre distâncias impossíveis de cruzar.
0131	Pode me ouvir quando	digo o quanto te amo?
0132	Meu coração bate.	Meus dedos se retesam.
0133	Meus olhos se enchem de lágrimas.
0134	Aqui é Tulse Luper,	chamando de Vaux.
0135	Cissie, te amo.
0136	Me chamo Charlotte Des Arbres.
0137	Sou prisioneira em Vaux.
0138	Era uma vez...
0139	uma linda mulher que amava	imprudentemente um homem mais importante.
0140	Cozinhava para ele.	Limpava suas botas.
0141	O penteava.	Lavava sua roupa.
0142	Tinha amantes para poder lhe	dar dinheiro para seus gastos.
0143	O observava até que	caía no sono sorrindo.
0144	A cabeça em seu peito.
0145	Trancou-o num dormitório,	com uma colcha branca...
0146	e um velho bidê.
0147	Passado um tempo, ele escapou.
0148	Conseguiu fugir com uma viúva...	que lhe odiava.
0149	Viviam em Madri	a base de melões e de abacates.
0150	Quando se fartar dela...	e de seus melões,
0151	ele voltará para mim.
0152	Me chamo Tulse Luper,	e sou prisioneira do amor!
0153	Me chamo Tulse Luper,	e sou prisioneira do amor!
0154	Nos primeiros meses de 1809,	o marquês enterrou sua esposa.
0155	Foi um obstáculo eliminado.	Não tiveram filhos.
0156	Não devem pensar que sou tão má.	Minha mãe é alemã, sabem.
0157	E eu estava cuidando dela,
0158	e, bem, fiquei,	e eles a trataram muito bem.
0159	E a mim.
0160	E não era apenas	porque minha mãe...
0161	era a melhor amiga	da irmã de Nietzsche.
0162	Levando-se em conta no	que ela se tornou.
0163	Bem, até que poderia ser.
0164	Minha mãe foi à Patagônia para	ajudar no experimento colonial...
0165	dos fazendeiros alemães.
0166	É verdade que esses homens possuem	uma aparência esplêndida?
0167	Tão eretos, sabem.
0168	Tão extremadamente brancos.
0169	E, bem, tão transbordantes de saúde.
0170	Mas para que meus amigos na	Inglaterra não pensassem...
0171	que sou tão má,	me ocorreu de ajudar um pouco.
0172	Eu me converti numa espécie de espiã.
0173	Iriam fuzila-la.
0174	Não, nada disso.
0175	Isso não seria justo.	Sabendo que minha mãe é alemã..
0176	e a melhor amiga	da irmã de Nietzsche...
0177	e de ter ido à Patagônia	e tudo o mais. Tem que me ajudar.
0178	Fuzilariam a mim.
0179	Não vão te fuzilar de qualquer jeito?
0180	Correntes no jardim, em público.	É tão humilhante.
0181	O que está escrevendo?
0182	Não me diga. Provavelmente	vou ler quando voltar a Londres.
0183	Eu gostaria de escrever	artigos de Vaux para...
0184	um jornal inglês.	Um bom jornal.
0185	Um bom jornal provinciano.
0186	No creio que meu estilo seja	suficientemente sofisticado...
0187	para um jornal da capital.
0188	Pelo menos, ainda não.
0189	Um jornal provinciano respeitável,
0190	como o ''Manchester Guardian''.	Gostaria de fazer isso.
0191	Gostaria de escrever artigos sobre	o jardim paradisíaco de Vaux.
0192	Para o ''Manchester Guardian''.	Em código.
0193	Por que em código?
0194	Os espiões fazem isso, não?
0195	Não havíamos falado disso?
0196	Como disse?
0197	Sobre espiões que são fuzilados?
0198	Não seja tão sensível.	Eu só quero ajudar.
0199	Bom, dê-me algo para codificar.
0200	Farei isso.
0201	Escreverei algo esta	tarde e logo lhe darei,
0202	de forma sub-reptícia.
0203	Que emocionante.
0204	Em Vaux havia	outra prisioneira voluntária,
0205	mesmo que ela possa	não se descrever assim.
0206	Ela admitira que suas prisões	tendiam a ser homens jovens.
0207	-Por que fez isso?	-Achei que te excitaria.
0208	Não foi assim.	Mas isto aqui sim.
0209	Beije-me.	Ou voltarei a fazê-lo.
0210	Te beijarei...
0211	mas precisa prometer	que voltará a fazê-lo.
0212	Seria impossível para mim.	Tem sido. É muito doloroso.
0213	Mas antes devo	cheirar-lhe as axilas.
0214	Você é uma dama	extremamente cosmopolita.
0215	Mas gosto que seja tão inglesa.
0216	Mantém limpo	apenas o que está visível.
0217	Oh, Deus.
0218	O que acharam?
0219	Sr. Luper!
0220	Sr. Luper!	Está em casa?
0221	Parece muito impressionante.
0222	Isto é o que escreveu, mas em código?
0223	Tem muitos "p".
0224	"P" de pintassilgo.
0225	E "u". São letras próprias de códigos, não?
0226	Por que tem tantos "f"?
0227	Para elogiar um excelente	jardim botânico.
0228	Entendo.
0229	Vejo que fez muitas referências à natureza...
0230	para converter-me numa espécie	de "amante da natureza".
0231	Não consigo lembrar de	seu nome de batismo.
0232	O que acha se,	apenas pelo bem da simetria,
0233	nós também formássemos	um par?
0234	Já me disseram que tenho certa	habilidade para...
0235	Deixarei que tente me persuadir	para que a mostre.
0236	O "Manchester Guardian"...
0237	recebeu muitas cartas	codificadas da França ocupada.
0238	Muitos alemães consideram	que o jornal inglês...
0239	era um periódico provinciano	com uma moral muito rígida...
0240	e com muito poucos leitores dos	Adventistas do Sétimo Dia,
0241	Batistas e Metodistas.
0242	MALETA # 39.	CÓDIGOS.	Cristãos conservadores com	ambições modestas.
0243	Os alemães acreditavam	que em Manchester...
0244	viviam os enfadonhos	ingleses inconformistas.
0245	e a palavra "Guardian" parecia	associada à palavra "Governanta",
0246	o que equivalia a uma	babá puritana e inofensiva.
0247	O jornal começou a receber	artigos de uma mulher...
0248	que se auto proclamava "A Dama Malva".
0249	O editor dos artigos logo	reconheceu os maneirismos de Luper.
0250	Um excesso de duplas negações,	a falta de um "s" em progresso,
0251	complexas metáforas relacionadas	com o vôo e a água.
0252	E uma grande paixão	em fazer listas.
0253	O jornal entrou em contato	com a Inteligência do Exército Britânico,
0254	que por sua vez entrou em	contato com Martino Knocavelli.
0255	Parece que as três autoridades,	ao manterem esse contato,
0256	eram felizes ao por a	vida de Luper em perigo.
0257	Pelo visto Luper havia	encontrado outro condutor...
0258	para seus falsos informes	de História Natural.
0259	Preservou-se a continuidade,
0260	pelo menos até setembro de 1940,
0261	quando o corpo da	Sra. Hats-Mills...
0262	foi encontrado numa fonte de Vaux.
0263	O veredicto foi de suicídio,	mas foi mantido secreto,
0264	para não constranger...
0265	a irmã de Nietzsche.
0266	Do final do século XVI.
0267	Poderia ser de Heinrich Goltzius.
0268	Ou de Bartholomäus Spranger.
0269	Por encargo do marquês de Alsacia.
0270	- Vênus e Cupido?	-Vênus e Marte.
0271	De Goltzius?	Calisto e Diana.
0272	Goltzius era manco?
0273	Perdeu a mão direita	num incêndio, quando criança.
0274	Gravuras.
0275	Difícil dizer quanto valem hoje.
0276	Antes de 1938, talvez...	20.000 libras.
0277	Sabe-se lá quantos	francos franceses.
0278	''Pin-ups'' do século XVI.
0279	Estão pensando em roubá-los?
0280	Nunca pensei que valiam a pena.
0281	Confesso que sou um homem	de pouca imaginação.
0282	''Harpsch, você tem pouca imaginação'',	me diziam no exército.
0283	Dessa forma... vou aonde vão	os homens de pouca imaginação.
0284	Às mulheres...	e aos cavalos.
0285	As mulheres levantam a saia	porque não tenho imaginação.
0286	Os cavalos levantam as patas	porque não tenho imaginação.
0287	Dão saltos por diversão.	Para mim.
0288	Os cavalos saltam cercas,	para mim.
0289	E os pássaros cantam lascivamente.
0290	E os cães me adoram.	Levantam a pata e latem.
0291	Au, au,	piu, piu, te amo.
0292	Os cavalos não riem.	Os pássaros não precisam rir.
0293	As mulheres não sabem contar piadas,	dizem no exército.
0294	O exército tem muitos ditados	convenientes,
0295	e um deles diz: ''As mulheres	não devem ter senso de humor''.
0296	Me apaixonei pela cozinheira,	Anna-Maria.
0297	Se chama Anna-Maria.
0298	É cozinheira.	Tem um grande senso de humor.
0299	É alsaciana.	Grandes ancas.
0300	Au, Au, piu, piu, te amo.	Nada mau, certo?
0301	O Sr Julian Lephrenic	sabe que você é um homem culto.
0302	Insistiu que devemos mantê-lo	como prisioneiro...
0303	num lugar que possa desfrutar.
0304	Ele nos disse que você deve se	manter estimulado.
0305	Esse homem realmente lhe dá valor.
0306	Algumas vezes, vejo o motivo.	Outras vezes, não.
0307	Eu vim aqui quando criança.
0308	Minha prima trabalhava	aqui, na cozinha.
0309	92 OBJETOS PARA	REPRESENTAR O MUNDO.
0310	NÚMERO 84.	GUARDA-CHUVA.
0311	Minha prima foi a primeira	mulher que beijei.
0312	Muito antes de Mathilde.
0313	Confesso que fui o primeiro	que pensou em lhe trazer a este lugar.
0314	O que acha de Zeloty?
0315	Eh, Zeloty.	Mostre o dinheiro.
0316	Deixe os beijos e comece a contar.	Precisa me dar uma gorjeta.
0317	Você é o motociclista da moeda.
0318	O quê está melhor	cotado na Bolsa nestes dias?
0319	Eu aceitaria marcos.
0320	Lhe oferecerei um tipo	especial de câmbio.
0321	O tipo de câmbio de moto,	mais um extra por periculosidade.
0322	Meu Deus.
0323	Que forma de calcular.	Que cabeça... Que sagacidade...
0324	Prepare-se para apertar o cinto.	Pip, o espremedor.
0325	Dinheiro vivo.	Pegar ou largar.
0326	Eu vim através de Gante	e Lille para chegar antes.
0327	O que poderia comprar de você?
0328	O que você poderia me vender?
0329	Já sei. Primeiro,	darei a você 20 francos...
0330	por essas coisas asquerosas.
0331	Tire-as.
0332	É dinheiro quente.	Estou com o traseiro em carne viva.
0333	Meu corpo dói todo.	Estou com o rabo congelado.
0334	Cale sua boca suja.	Tem muitas mulheres presentes.
0335	Lhe ofereço um trato.	Me pague mil. Não!
0336	Me pague o valor de	sua motocicleta.
0337	A moeda se desvaloriza.	Não é o suficiente.
0338	Tenho de voltar para casa.
0339	Mathilde está sozinha.
0340	Já tive este problema antes.
0341	Precisa desesperadamente	de um homem a todo instante.
0342	Devo voltar.	Pode ficar com o dinheiro.
0343	Lhe oferecerei um bom preço	de mercado, pode acreditar.
0344	Acho que deveria entregar-se,	Luper,
0345	e assim todos poderíamos	ir para casa.
0346	Poderíamos arranjar para que Luper	sofra um acidente.
0347	Um acidente de motocicleta.
0348	Vou acender o cigarro,	se isso vale alguma coisa.
0349	Você inalaria?
0350	Fumante ou não fumante?	Direto o indireto?
0351	Comum.
0352	Acenda meu fogo.
0353	Não há fumaça sem fogo.	Fogo em seu estômago.
0354	Fogo nos... olhos.	Fogo!
0355	Tem uma coisa boa.	Uma compensação.
0356	Você já não é um menor.
0357	O que significa que pode	ser oficialmente seduzido.
0358	E eu posso oficialmente te seduzir	sem que me mandem para a cadeia.
0359	Você quer ser seduzido,
0360	não é mesmo?
0361	No primeiro aniversário da grande	aventura militar do Führer na Polônia,
0362	Vaux receberá a visita do	Marechal de Campo von Planting.
0363	Comandante Supremo das forças	de ocupação no norte da França.
0364	Em sua honra, representaremos	um famoso festejo de Vaux.
0365	O grande banquete	de 17 de agosto de 1661.
0366	Quando o Lorde do Tesouro,	Nicholas Fouquet,
0367	ofereceu este castelo	e seus jardins a Luís XIV,
0368	que declinou a generosa oferta.
0369	E ordenou prender Monsieur Fouquet,	falsificou provas contra ele,
0370	o encarcerou por toda a vida	e roubou todas suas propriedades.
0371	O general Foestling	interpretará Fouquet.
0372	Acho que o Sr. Luper	deveria ser Luís XIV.
0373	Seria uma honra	interpretar o rei da França,
0374	num momento em que a	Alemanha não era mais...
0375	que um lugarzinho insignificante.
0376	Cuidado, Luper.
0377	O sol brilha no traseiro	de Foestling, não no seu.
0378	O prisioneiro Luper	continuou desenhando e escrevendo.
0379	Todos seus esforços se	dirigiam a Cissie.
0380	Seguiu o exemplo do	último amigo de seu pai.
0381	Escreveu intermináveis	cartas de amor.
0382	E sonhava em escapar...
0383	cruzando a pé o norte da França	para reunir-se com seu amor.
0384	Era uma vez uma bela mulher...
0385	que amava imprudentemente.
0386	Era uma vez uma bela mulher...
0387	que amava imprudentemente	um homem mais velho.
0388	Li tudo o que escreveu.
0389	Suas cartas, seus diários,	seus pensamentos mais íntimos.
0390	Tentou prendê-lo	no seu quarto,
0391	mas ele escapou.
0392	Ela o esperou.
0393	Em segredo, lhe lavava o rosto,	e os pés.
0394	Penteava seu cabelo.
0395	Ele era uma espécie de escritor.
0396	Ele adorava os lugares	com nomes exóticos.
0397	Fazer listas.
0398	Sonhar com uma mulher	que enviava mensagens.
0399	Cissie.
0400	Cissie, é você?
0401	É você?	Será você?
0402	Sou eu.
0403	Como chegou até aqui?	Também é prisioneira?
0404	Não. Eu sou a mulher louca.
0405	Cissie... Des Arbres.
0406	O que?
0407	Bom, esta noite serei	sua substituta.
0408	Nada muito lentamente.
0409	É muito velho.	Tem 80 anos.
0410	Move-se lentamente	e vive muitos anos.
0411	Mas continua sendo um prisioneiro.
0412	Um peixe grande num lago pequeno.	80 anos nas mesmas águas.
0413	É possível que já estivesse nadando...
0414	quando os alemães passaram	por aqui a última vez, em 1871.
0415	Deveríamos nadar	em busca da liberdade.
0416	O lago foi construído pelo homem.
0417	Não desemboca no mar.	Não há possibilidade de liberdade.
0418	Se eu entrei com tanta facilidade...
0419	-Facilidade?	-Sim. Poderei sair.
0420	Deveríamos elaborar um plano	para sua libertação.
0421	Um plano que deveria	ser permanente.
0422	Se for agora,	com certeza te encontrarão.
0423	Você é um troféu muito caro.	Vale muito dinheiro.
0424	MALETA # 40.	MULHER ADORMECIDA.
0425	Suspeito, Herr Foestling,
0426	caso Fouquet tivesse	se comportado como você,
0427	teria sido preso por	sua ostentação extrema.
0428	Com certeza você o admira	por suas maneiras civilizadas,
0429	não por sua arrogância.
0430	Creio que você, Herr Foestling,	seja prisioneiro de uma obsessão.
0431	Você é prisioneiro	de uma história fictícia.
0432	Tudo mudou.
0433	A história foi corrigida.	Ponham a coroa nele.
0434	Seu prisioneiro, cavalheiros,
0435	adquiriu uma importância	ainda maior...
0436	que jamais puderam sequer imaginar.
0437	Agora possuem um prisioneiro...
0438	que deve ser encarcerado	perpetuamente.
0439	Prisão perpétua.
0440	E vocês serão seus eternos carcereiros.	Para sempre!
0441	Poderia ser este seu marido	desaparecido, Madame?
0442	Já que não pode ver seu rosto,
0443	Era uma vez uma bela mulher...
0444	que amava imprudentemente...
0445	entretanto...
0446	provavelmente todas as mulheres	amem imprudentemente.
0447	Lhe reúno a sua esposa, Luper.
0448	Agora os dois podem viver	num encarceramento perpétuo.
0449	E deste modo poderão	manter vivos seus sonhos,
0450	porque você não pode vê-lo	e refutar seus temores.
0451	E ele...
0452	pode crer que você é	quem ele desejar.
0453	Talvez te chame de William.
0454	E cozinhe para você.
0455	E te convença a voltar a me amar.
0456	Meu sorriso brilhante.
0457	Meus olhos miram-lhe	tal qual diamantes úmidos.
0458	Guarda, faça ela se calar!
0459	É ridícula, mas contagiante.
0460	O Superintendente de Luís XIV,	Fouquet,
0461	construiu o castelo em Vaux...
0462	seguindo uma planta	completamente nova, em 1660,
0463	com novos arquitetos,	novos paisagistas,
0464	e novos decoradores de interiores.
0465	Despertou a inveja de seu senhor	de 23 anos de idade, Luís XIV,
0466	que ordenou prender Fouquet,	o processou e o encarcerou por toda a vida.
0467	Alguns contam que Luís ordenou	que Fouquet...
0468	usasse uma máscara de ferro.
0469	Luís confiscou o castelo	e os jardins de Vaux le Vicomte,
0470	deixando-o sem nenhum objeto.
0471	Tirou tudo; quadros, móveis,	desenhos,
0472	espelhos, escadas, plantas,
0473	árvores, estátuas, fontes,	junto com os arquitetos,
0474	os jardineiros e os decoradores,	tudo a Versalles,
0475	onde reconstruiu Vaux	numa versão maior,
0476	com mais grandeza	e com mais jeito de Vaux para ele mesmo. 
0477	Em 1940, Vaux le Vicomte	foi ocupado pelos alemães...
0478	e utilizado brevemente como	Quartel General de Estado Maior.
0479	Depois de uma	tentativa de convertê-lo...
0480	num centro de reabilitação	dedicado à eugenia,
0481	foi saqueado.
0482	E com o Alto Comando alemão	para o norte da França,
0483	seus quadros, móveis, desenhos,	espelhos, escadas, plantas,
0484	árvores, estátuas, fontes,	foram enviados a Versalles.
0485	O que poderia ser chamado de	um segundo saque de Vaux le Vicomte.
0486	-Monsieur Fouquet.	-Monsieur Fouquet.
0487	-Tem uma aparência esplêndida.	-Tem uma aparência esplêndida.
0488	Ainda que use o chapéu	de meu antepassado ao contrário.
0489	A pena deve ficar na frente.
0490	Está aí, meu amor?
0491	Não tenha medo.
0492	Poderia ter sido pior,	muito pior.
0493	Poderiam ter encarcerado	outras partes de sua anatomia.
0494	Que não seu lindo rosto.
0495	Pense nisso.
0496	E então,
0497	O que eu faria?
0498	É evidente, coronel Foestling,	que você se excedeu.
0499	Você tem sido um perdulário.
0500	Gastando nossos escassos recursos,	que não são seus, com seus caprichos.
0501	E ser, de fato,	um potentado fora de moda,
0502	assumindo poderes	que não tem direito de assumir.
0503	Confraternizando	com duvidosos patriotas...
0504	e convertendo-se num ''nativo'',	como podemos ver.
0505	E já que a história sempre se repete,
0506	Por que deve se repetir	com tanto sucesso a de 1871 em 1939?
0507	Bem, Foestling,
0508	em sua preocupação por mudar	um veredicto histórico,
0509	o que conseguiu, simplesmente,	foi confirmá-lo.
0510	Podemos dizer com segurança...
0511	que repetiu, sem dúvida,	os erros de Fouquet.
0512	E se Fouquet e Foestling	são um só,
0513	você já conhece	o veredicto da história.
0514	É o mesmo agora.
0515	Sou obrigado a lhe	tirar do comando.
0516	Mas tem uma última missão.
0517	Entendo que tem um	prisioneiro da Antuérpia.
0518	Eu recebi notícias...
0519	de que poderia ser um peão	muito útil em nossas relações...
0520	com os simpatizantes dos americanos.
0521	Não tenho a menor dúvida e estou	certo que tem a mesma opinião,
0522	que a América republicana	entrará nesta guerra...
0523	do lado errado.
0524	Sua última missão em Vaux...
0525	será acompanhar esse homem ao meu	escritório esta noite, à meia-noite.
0526	Voltaire disse que em 17 de agosto	de 1661, às seis da tarde,
0527	Nicholas Fouquet	era o Rei da França.
0528	e que à meia-noite...	já não era ninguém.
0529	Em 17 de setembro de 1940,	às seis da tarde,
0530	o general Foestling era	uma espécie de rei da França.
0531	Mas à meia-noite	era evidente que já não era ninguém.
0532	Muito bem, Sr. Luper.	O que sente?
0533	Minha cabeça está encarcerada,	mas meu corpo é livre.
0534	Tenho a visão, a audição,
0535	o paladar e o olfato,	todos presos.
0536	O rosto apodrecerá por não lavá-lo	e pela falta da luz do sol.
0537	Não posso coçar o nariz	nem escovar os dentes.
0538	O cabelo e a barba	crescerão até me sufocarem.
0539	Apenas me restam	três meses de vida.
0540	Não tenho meu próprio rosto.
0541	Talvez deveríamos sentir	curiosidade pela prisão definitiva.
0542	Um caixão?
0543	Era uma vez...
0544	Uma bela mulher	que amava imprudentemente.
0545	Era a amante do filho de Luís XIV.
0546	E grávida de oito meses.	Morreu devido à varíola.
0547	Foi enterrada num caixão de carvalho,	num sarcófago de mármore,
0548	numa mísera capela provinciana.
0549	Talvez tenha tentado suicidar-se.	Porque a varíola...
0550	desfigura além do alcance	da lascívia mais ardente.
0551	Entretanto, não estava morta	e deu à luz no caixão
0552	Pensem um pouco em tal horror.
0553	Um espaço ínfimo,	escuridão, frio,
0554	as duas pernas juntas,	ar escasso.
0555	Tal fato foi descoberto	cinco dias depois,
0556	quando seu amante	quis recuperar um colar ...
0557	que lhe havia dado.
0558	Eles pensaram em recuperar	o colar do caixão.
0559	Encontraram o colar,	não em volta de seu pescoço,
0560	mas dividido em duas parte.
0561	Uma parte no pescoço da criança,	como um último presente,
0562	ou talvez como um instrumento para	enforcar o menino.
0563	E a outra metade se encontrava	no intestino da mulher.
0564	Ela o havia engolido...
0565	numa tentativa de morrer mais rápido.
0566	Já que foi minha intenção	de refazer a história...
0567	o que colocou esta 	máscara em sua cabeça,
0568	deveria ser eu, dadas as	circunstâncias, quem deve tirá-la.
0569	E tens o direito de colocá-la em mim.
0570	Eu me tornei Fouquet	de um modo que não esperava.
0571	E devo ser obrigado a	pagar o mesmo preço.
0572	Zeloty e Figura	persuadiram Luper...
0573	para que roubasse 23	das gravuras eróticas de Vaux.
0574	Depois da festa de Fouquet,	Luper e Cissie tentariam escapar.
0575	MALETA # 41.	GRAVURAS ERÓTICAS.	Roubando um avião na estrada cruzando o	lago em direção a Paris
0576	Luper foi capturado e o levaram	diante de um pelotão de fuzilamento.
0577	Não pode fuzilar nosso prisioneiro.
0578	Não pode fuzilar nosso prisioneiro.
0579	É meu prisioneiro.
0580	Como é que de repente este homem	é seu prisioneiro?
0581	Porque eu estou no comando.
0582	Este homem pertence	a um importante oficial de Berlim.
0583	Eu estou no comando, imbecil.
0584	Você não faz nada além de se lamentar	de sua maldita e preciosa família.
0585	Vai ver, ele é o	bilhete da salvação.
0586	-Eu cuidei dele durante esse tempo.	-Fui eu, maldito estúpido.
0587	Eu lhe comprava as malditas cerejas	e o Camembert. Cozinhei para ele.
0588	Eu limpava seu nariz,	e seu maldito traseiro.
0589	Você só lhe deu	um maldito bigode!
0590	Afaste-se.
0591	Estou dizendo que se afaste	ou fuzilamos os três.
0592	Fuzile ele.
0593	-Ele?	-Sim. É o culpado.
0594	Era ele quem queria roubar	esses desenhos imundos.
0595	Que valor têm?
0596	Dez mil francos.
0597	-Dez mil?	-Sim, belgas.
0598	-Belgas?	-Está bem, franceses.
0599	Sim, 20.000.
0600	Mostre-nos o dinheiro.
0601	Mostre-nos o dinheiro.
0602	Mostre-nos o dinheiro.
0603	Uma parte é	dos meus filhos.
0604	Vejam. Está choramingando	Fuzilem-no.
0605	-Tire a roupa!	-Fuzilem-no!
0606	Tire a maldita roupa.	Temos que chantagear.
0607	Tire a maldita roupa.	Temos que chantagear..
0608	É um imbecil assustado	que está num aperto.
0609	Vai gritar.
0610	Tire a roupa.
0611	O que vão fazer?
0612	Ataremos cintas ao seu pênis...
0613	e meteremos uma	torta em seu traseiro e depois...
0614	tiraremos umas fotos.	Simples.
0615	Fizeram o que prometeram.
0616	E mais.	Durante duas horas.
0617	Era o preço que Zeloty	tinha de pagar...
0618	para que fuzilassem	o homem equivocado.
0619	E fuzilaram Figura.
0620	Ainda que com a excitação, inicialmente	não conseguiram matá-lo.
0621	Provavelmente seguiria consciente	das ironias da vida...
0622	quando obrigaram Zeloty a cometer	atrocidades com seu corpo,
0623	que sequer a experiência	sexual de Figura...
0624	lhe permitira imaginar.
0625	Provavelmente teriam	também fuzilado Zeloty e Luper,
0626	se não tivessem se distraído.
0627	Três caminhões carregados	de mulheres de cabelos loiros,
0628	menores de 25 anos,
0629	chegaram em Vaux descendo pela	parte traseira dos caminhões de carga,
0630	para não excitar	em excesso o batalhão...
0631	que estava há três meses e meio	fora de Hamburgo.
0632	Vamos. Vamos.
0633	Poderia ter sido pior, Luper.
0634	Não teve que se humilhar.	Eu fiz tudo por você.
0635	Eu te salvei a pele.	Está em dívida comigo, amigo.
0636	Vai me pagar pelo que me fez fazer.
0637	Se meteu numa boa encrenca,	maldito inglês.
0638	Me fez transformar essas	crianças em órfãos,
0639	para salvar seu precioso traseiro inglês.
0640	Me chamo Tulse Luper,	e sou prisioneira do amor!
0641	Me chamo Tulse Luper,	e sou prisioneira do amor!
0642	Não me despedi.	Eu improvisei a bagagem.
0643	Por que ele tem que vir	conosco? Que fique.
0644	Não pertence a nosso grupo.	É um risco.
0645	Cale-se. Quase foi fuzilado.
0646	Não precisamos de passageiros.	Insisto para deixarmos ele.
0647	Por que devemos levar esse	inglês irritante?
0648	Ele é meu seguro.	Preciso dele.
0649	Seu nome é belga,	o que é um obstáculo.
0650	Não quero ser associado a ele.	Olhe sua roupa.
0651	Escute, veja a minha, por Deus.
0652	Pare o carro!	Pare-o!
0653	Bobagem.	Está aproveitando muito.
0654	Não pare, pelo amor de Deus!
0655	Não tem espaço para ela neste	mísero carrinho!
0656	Que diabos está fazendo?
0657	Estou tentando salvar-lhe a vida,	e você quer nos matar.
0658	Esta mulher estava sempre pedindo	coisas emprestadas.
0659	Sempre desejava o que não podia ter.
0660	-Sim, como você.	-O que está insinuando?
0661	Enfim, já sabe, queria salmão	quando lhe ofereciam truta,
0662	abacaxi quando lhe serviam laranjas.
0663	Enquanto que a pobre família	de Figura morria de fome...
0664	num sótão da Antuérpia.
0665	Não me fale Figura,	esse macaco de cara triste.
0666	Cale-se. Ele vale mais	que seis de você.
0667	É um pai de família muito devotado.
0668	É honrado. É honesto.	É responsável.
0669	O conheço há anos.
0670	E por que não está	conosco agora?
0671	Devem tê-lo distraído.	Logo irei buscá-lo.
0672	Agora quero ver se seus filhos estão bem.
0673	-Os doze.	-Doze filhos? Céus.
0674	Estamos em guerra,	não tinha o direito de ter tantos filhos.
0675	E o que você sabe de ter filhos?
0676	Todo bom católico tem tantos filho	quanto deseje.
0677	É seu dever patriótico.
0678	E você? Por que não cumpriu	seu dever patriótico?
0679	Porque conheci você.
0680	Eu não quero ser tão patriótica.
0681	Acabar feito um trapo parindo	filhos para que acabem falando alemão.
0682	O que quer dize com "alemão"?	Achei que gostava.
0683	Confraternizar com esses	''cabeças quadradas''
0684	Por que acha que me insinuei a você?
0685	Mas não lhes chame de	''cabeças quadradas''.
0686	São homens muito educados,	são homens muito refinados...
0687	Ora, não me venha com essas tolices.
0688	E o que me diz das tolices	que saem de sua boca?
0689	E o que me diz das tolices	que saem de sua boca?
0690	''Todos somos prisioneiros,	se admitíssemos.
0691	O paraíso de um homem	é o inferno de outro''.
0692	-Cale-se de uma vez.	-Cale-se você, homem.
0693	Quem você mandou se calar,	sua esnobe raposa francesa?
0694	Acabou. Quero descer.	Não posso continuar assim.
0695	Percorrendo todo o país.	Você é um péssimo condutor.
0696	Não percorremos todo o país.	E eu não sou um péssimo condutor.
0697	-Se não te agrada, pode ir.	-Possivelmente o farei.
0698	Está indo muito rápido.	Não deveria correr tanto.
0699	Se não deixar de reclamações	e lamentações, pode descer.
0700	Na verdade, desça agora.	Desça!
0701	Pra fora!
0702	Era uma vez...
0703	Uma bela mulher que amava	imprudentemente.
0704	Estou olhando para o céu,
0705	numa estrada,
0706	em algum lugar	do norte da França.
0707	Muito distante de minha casa.
0708	E estou prestes a morrer.
0709	sem filhos.
0710	NÃO EXISTE ESSA COISA DE HISTÓRIA,	Sem ser amada.
0711	SÓ EXISTEM HISTORIADORES.	Sem ser feliz.
0712	SÓ EXISTEM HISTORIADORES.	.
0713	Sozinha.
0714	Que Deus se apiede de	minha triste alma,
0715	porque eu pequei. Oh, Deus.
0716	As Maletas de Tulse Luper.	Episódio 5
0717	Reúna-se comigo em frente à catedral	no sábado à noite, às dez.
0718	64 	UMA BONECA
0719	A boneca é um substituto do bebê.
0720	47 	LUVAS
0721	As luvas são como uma segunda pele	que protege e esquenta a mão.
0722	59 	MOEDAS
0723	Dinheiro.	Para demonstrar intercâmbio.
0724	45 	ROUPA ÍNTIMA FEMININA
0725	Em Viena, em 1992,
0726	foi celebrada uma exposição	no empório Hofburg e Semper,
0727	que se denominou "Cem Objetos	Para Representar O Mundo".
0728	MALETA # 42.
0729	92 OBJETOS	PARA REPRESENTAR O MUNDO.
0730	...foi um irônico exercício	de inventário...
0731	prévio à troca de milênio,
0732	de como poderia ser representado	o século XX.
0733	Era uma coleção baseada	numa lista de compras...
0734	original de Luper	feita em 1940.
0735	80 	UMA ARMA
0736	Armas.
0737	Para demonstrar agressão.	O desejo de matar.
0738	A carreira armamentista.	Cobiça. Invenção. Destruição.
0739	A mosca.
0740	81 	A MOSCA
0741	A mosca comum.	Para demonstrar insetos.
0742	Entomologia.	Enfermidades potenciais.
0743	Medo.	A mesquinhez insidiosa.
0744	A mosca demonstra...
0745	por que os cavalos	e as girafas têm rabo.
0746	25 	CINEMA
0747	Luper havia meticulosamente	medido sua nova prisão.
0748	182 poltronas numeradas.
0749	Auditório,	26 x 30 metros.
0750	Doze luzes de sala.
0751	Uma tela de	6x8 metros.
0752	53 	PEIXE
0753	54 	COELHO MORTO
0754	Luper,	já limpou os banheiros?
0755	12 	O ARCO-ÍRIS
0756	Deus prometeu não	inundar o mundo novamente.
0757	O arco-íris é um fenômeno	desnecessário...
0758	de que nenhuma criatura viva	obteve nenhum benefício.
0759	Nenhum animal é parasita do arco-íris.
0760	Ninguém coloniza o arco-íris.
0761	Ninguém utiliza um arco-íris como o	fazem com uma nuvem, ou o ar quente.
0762	Ninguém pode explorá-lo	para medir algo, ou provar nada.
0763	MALETA # 43	ARCO-ÍRIS
0764	Os únicos exploradores	são os escritores,
0765	os pintores	e os fabulosos teólogos.
0766	"Mesmo que separassem	minha alma de meu corpo..."
0767	Acorde, Tulse.	Está bloqueando o corredor.
0768	É espantosa, não?
0769	Uma mulher pisando forte	num mundo de homens.
0770	Está vendo o mesmo filme que eu?
0771	Praticamente queima a tela.
0772	Mas não se apaixone por ela.	Queria ser uma virgem mártir.
0773	E já sabe como defendem suas crenças.
0774	Encanta a todos,
0775	porque se trata de uma mulher	que está sendo humilhada.
0776	É a França que está	sendo humilhada.
0777	Mas desta vez,	o inimigo eram os ingleses.
0778	Ingleses, alemães, não importa.	Todos sobrevivemos, pequeno índio.
0779	-Não ela.	-Sim, claro que sim.
0780	"Para me fazer sofrer,	o demônio enviou a ti".
0781	F 12. O calvo. Pés grandes.	Bunda pequena.
0782	Escada de serviço.	Lambedor. Bastante limpo. Casado.
0783	Joana monta um cavalo dourado	na corte de Tullerías.
0784	E é da esfera de Franco.
0785	Qualquer um pode tocar Joana,	pequeno índio.
0786	Sim, mas apenas o rosto.
0787	''Quero pegar este bilhete	entre suas bochechas,
0788	e não me refiro ao	seu rosto...
0789	76 	TESOURAS
0790	''...e três outros	ainda virão''.
0791	Cafajeste!
0792	Pense em quem	tocou este bilhete.
0793	Todo mundo da Rua Principal.
0794	Que contato tão íntimo	com a comunidade.
0795	Dinheiro do céu	caindo direto no seu bolso.
0796	''Minha xoxota está à venda,	mas minha alma é só minha".
0797	Arletty, falando baixo enquanto	toma um copo de champanhe
0798	que lhe havia sido oferecido	por um general alemão.
0799	Maxims, Montecarlo.	Setembro de 1938.
0800	A França foi ocupada	tantas vezes.
0801	Poderia se dizer que é	uma puta prussiana.
0802	69 	CRUCIFIXO
0803	''É melhor ser bem governada pelos	outros, do que mal pelos seus''.
0804	A dama do casaco de peles.
0805	Berlim. Por volta de 1880.	Sacher-Masoch.
0806	Outro alemão de mente pervertida.
0807	A perversão não conhece	nacionalidade, querida.
0808	Os três tenentes regressaram felizes.
0809	Querem uma mão amiga.
0810	Nem mesmo com luvas,	pequeno índio.
0811	Vieram ver uma heroína francesa,
0812	glorificada	por um diretor alemão.
0813	Por que estragá-lo?
0814	Já não restam heroínas francesas.
0815	Desenterrarão esse diretor	''cabeça quadrada'' para fuzila-lo.
0816	O que acha, Luper?
0817	Ele está vivo e não farão isso.	Ele vive na Califórnia.
0818	E além disso ele é sueco.
0819	''As salsichas de fígado são	o calcanhar de Aquiles da Prússia''.
0820	Trixie Boudain. Cinema Arc-en-Ciel.	Estrasburgo, 1940.
0821	É uma oportunidade única para pegar	os nazistas pelos colhões.
0822	Eh, Luper, o quê acha?
0823	E acabar fuzilados numa esquina?	Deveria organizar isso um pouco melhor.
0824	Já estamos organizados.
0825	Por quê não o fazemos	depois da projeção...
0826	na escada de serviço?
0827	Organize tudo aqui,	durante o descanso.
0828	Não poderiam queimar uma virgem,	pois o fogo apagaria.
0829	Sexo e cinema.
0830	Ambos são oferecidos	em Arc-en-Ciel.
0831	Um começo de arco-íris	para o nascimento de uma nação.
0832	Tinha que arder para destruir o	croissant inglês que tinha no forno.
0833	Esta mulher estava	grávida de um inglês.
0834	Deslizar-se fora do campo	de visão da Gestapo.
0835	Reunir-se com os clientes	na sala de projeção.
0836	Sexo na fonte da luz.
0837	Estamos te excitando,	não é, Tulse, pequeno índio?
0838	Talvez tenham deixado Luper excitado.
0839	Sentado num cinema à noite,
0840	com a luz de sua	lanterna de lanterninha,
0841	Luper, talvez instigado	por Dreyer,
0842	talvez devido	à provocação de Felicite,
0843	ou talvez recordando	os filhos de Figura,
0844	se inclinou sobre	seus fotogramas de películas...
0845	e escreveu o libreto	de uma ópera.
0846	MALETA # 44.	FOTOGRAMAS DE PELÍCULA.
0847	...uma fábula sobre a humilhação	da mulher...
0848	pela Igreja e Estado,
0849	por ter se atrevido a exceder à	expectativas do mundo para a mulher.
0850	O intitulou "O Bebê de Estrasburgo".
0851	Muitos anos depois, em 1993,
0852	o livreto virou um filme,	e não uma ópera.
0853	Para evitar complicações	de direitos de autor,
0854	o título foi modificado.
0855	É verdade que nascemos assim?
0856	-É um menino.	-Tão nus?
0857	-Tem dez dedos.	-Tão molhados?
0858	-Tem as orelhas perfeitas.	-E esse cheiro...
0859	Não é grande?
0860	Deus ou o Demônio,
0861	é o responsável	por este nascimento?
0862	Tem um coração.
0863	-Esfregue os olhos.	-São azuis. Como o cometa.
0864	Os manuscritos originais de Luper	para "O Bebê de Estrasburgo"...
0865	foram encontrados, em bom estado,	na catedral de Estrasburgo,
0866	ocultos muito próximos	do quadro de Robert Campin,
0867	"A Descida da Cruz".
0868	Cristo nasceu assim,	da Virgem Maria?
0869	José viu o filho de Deus assim?
0870	Tem dez dedos.
0871	Traz os olhos abertos.
0872	MALETA # 45.
0873	OS MANUSCRITOS	DE ''O BEBÊ DE ESTRASBURGO''
0874	79 	UM FÓSFORO
0875	Deus, de onde você saiu?
0876	Como diabos entrou?
0877	Por favor me diga,	para eu saber como sair.
0878	Me tranquei no banheiro.
0879	Creio que o espetáculo terminou.
0880	Longe disso.	Estou esperando a sua carcereira.
0881	Não venha para cá.	Tem muita gente.
0882	Quer fazer uma reunião?
0883	Me interessaria escutar.	Só profissionalmente, entenda.
0884	Poderia dizer algo com balas?
0885	Isso seria de grande ajuda.
0886	...com meus cumprimentos.
0887	Por favor, assegure-se	de despentear seu cabelo.
0888	Nunca suportei que fosse	tão bem penteado.
0889	80 	UMA ARMA
0890	Não se preocupe.	Nada nos acontecerá.
0891	É o lugar mais seguro	de Estrasburgo.
0892	Os aviadores ingleses têm ordens	de não bombardearem a catedral.
0893	Venha cá!
0894	O que acha?
0895	Acha que Maxi vai gostar?
0896	Seja sincero.	Acha que Maxi vai gostar?
0897	Tem cinco anos.	Acha que é muito grande?
0898	Acha que é muito grande	para um bichinho assim?
0899	Em momentos de tristeza as crianças	precisam de mais consolo, não?
0900	Uma caixa de pinturas	para Hyacinth.
0901	Sim, diz que quer colorir	desenhos do Führer.
0902	Para que pareça mais sadio,	segundo ela.
0903	Apare o bigode!
0904	Sabe, pelo menos clareá-lo	um pouco. Como o de Ludwig V.
0905	Figura sempre quis ter...
0906	um artista na família.	Está trabalhando ou não?
0907	Me ouviu, amigo?	Já disse que venham.
0908	-Sim?	-Sim!
0909	Podem vir comigo.
0910	Bom, exceto Antoine.
0911	Está na faculdade de engenharia,	na Antuérpia.
0912	Fabrica armas.	Sim, ele está muito bem.
0913	Precisarei de mais dinheiro	para cuidar de você.
0914	Estou precisando.
0915	Deve escrever-me uma carta	pedindo mais subsídios.
0916	Algo como...
0917	Querido Sr. Lephrenic,
0918	depois do triste falecimento	do meu querido amigo Stephan Figura,
0919	devido a circunstâncias imprevistas...
0920	Não, Stephan Figura...''.	Sim, bla, bla, bla. Algo nesse estilo.
0921	Algo assim. O que acha?
0922	Lephrenic está triunfando,	projeta foguetes.
0923	Segundo os alemães, tem	contato com os americanos.
0924	Desenhando foguetes para enviar	bombas através do Atlântico.
0925	Isso porá fim na guerra	com a Europa, não acha?
0926	Você não fala muito!
0927	Poderia ser um pouco mais generoso,	não acha?
0928	O mínimo que poderia fazer,
0929	O mínimo que poderia fazer é	trabalhar de babá para mim.
0930	Eu fiz algo, por acaso?
0931	Você se ofereceu? Não!
0932	Ouça, enquanto eu estiver fora,	faça algo.
0933	Eu me distraio pintando,	decorando, sabe?
0934	O Führer teve de fazer isso!
0935	Sabe, antes de estudar arquitetura,
0936	antes de converter-se	em orador público.
0937	Não deveria deixar entrarem	de graça, não acha?
0938	-Tendo em conta...	-Tendo em conta, o que?
0939	Não, pagaremos.
0940	Como bons cidadãos.
0941	A sala está cheia, Luper?
0942	É melhor com lua cheia.	Os ingleses podem ver melhor.
0943	Me alegra saber que você gosta de ver	os franceses ''tão bem ocupados''.
0944	Passion lhe envia suas saudações.
0945	Está muito bem casada.	Tem um filho.
0946	Seu marido é dentista.
0947	Talvez se lembre dele.
0948	Mas hoje em dia cuida	dos dentes de Himmler.
0949	e todos sabemos de quem	cuida dos dentes de Himmler.
0950	Apenas lamento que tenha de passar	tanto tempo na escuridão.
0951	O homem não é um animal noturno.
0952	MALETA # 46.	O OURO DO HOLOCAUSTO.
0953	Oh, Deus, agora não.	Não num cinema.
0954	Muito escuro.	Muitos alemães.
0955	Muito evidente.	Tente numa catedral.
0956	As pessoas se mostrarão	condescendentes numa catedral.
0957	Um crime passional.
0958	Um crime de vingança.	Uma solução religiosa.
0959	As catedrais são maiores.	Têm mais eco.
0960	São mais simbólicas.	Mais dramáticas.
0961	Têm mais presença.	Mais melodrama.
0962	Mais saídas.
0963	Reúna-se comigo em frente à catedral	no sábado à noite, às dez.
0964	Madame Plens tinha	grandes planos de vingança...
0965	devido à maldade de Zeloty	por tê-la jogado do carro,
0966	em algum lugar de uma estrada	vicinal do norte da França.
0967	Mas Zeloty preparou	uma estratégia sentimental...
0968	baseando-se em	sua natureza religiosa,
0969	apelando para o fato dele ser o tutor	dos onze filhos de Figura,
0970	que, portanto, sofreriam	sem a sua proteção.
0971	Madame Plens se deixou convencer...
0972	e aceitou a responsabilidade de cuidar	do seu bem-estar espiritual,
0973	no santuário da	catedral de Estrasburgo.
0974	Apropriadamente,
0975	a arma que Luper havia encontrado	no piso do cinema " Arc-en-Ciel",
0976	foi parar	num inocente lugar de descanso.
0977	Talvez por diversão própria,
0978	ou porque isso lhe permitiu	acesso a uma máquina de escrever,
0979	ou porque Luper estava interessado nos	assuntos "post mortem" de Figura,
0980	Luper escrevia por dinheiro.	Literatura infantil em flamenco.
0981	Cartas de súplicas em francês.	Pornografia leve em alemão.
0982	Era muito prolífico.
0983	Talvez se vira estimulado...
0984	pelos filmes que via	no cinema todas as tardes e noites.
0985	Procure um lugar em	que não se meta em confusão.
0986	Procure um lugar em que não	se meta em confusão.
0987	Procure um lugar em que não	se meta em confusão.
0988	Algum lugar em que não haja confusão.
0989	E acha que existe	um lugar assim, Tully?
0990	Tem de existir.
0991	Não é um lugar em que possa	comprar um banco ou um trem.
0992	Está muito distante.
0993	Vejo que por fim	se converteu em Adão.
0994	Joseph Smith ficaria	orgulhoso de você.
0995	Esta é sua família.
0996	MALETA # 47.	CRIANÇAS
0997	Tantas crianças e tão rapidamente.
0998	Tribos de Israel	com sotaque flamenco.
0999	Surpreendente.
1000	O que é isto,	uma espécie de piada?
1001	Seu carcereiro está morto...
1002	e os descendentes dele estão	formando uma comunidade?
1003	Cuidado, os espermatozóides	de Figura estão no ar.
1004	Mathilda está reproduzindo-se	como uma coelha.
1005	Guarda parte da essência	de seu marido em sua pessoa.
1006	Numa bolsa, talvez?
1007	Estou certo que Figura...
1008	engendrará toda uma nova	comunidade de pós-guerra.
1009	Está seguro que você	não é o responsável?
1010	Lephrenic, chegou a hora	de me deixar em liberdade.
1011	Não.
1012	E para onde iria na	França ocupada?
1013	O que é a liberdade	em tempos de guerra?
1014	Ademais, você é um ícone.
1015	Sabia que lhe colecionam?
1016	Tenho uns sócios que	pagaram dinheiro...
1017	por seus manuscritos de Antuérpia.
1018	Minha fortuna prospera	com o seu encarceramento.
1019	Seria um louco de lhe deixasse ir.
1020	Nunca havia visto	um vagabundo tão perfeito.
1021	Mas o que...?	Está louco.
1022	Sabe? Num momento ou outro,	pequenos índios,
1023	qualquer ator ou atriz	está obrigado a morrer e a foder.
1024	Fazer amor.
1025	Fazer amor?
1026	Bom, fazer amor.
1027	Sempre me pareceu uma expressão	muito estranha, mas tudo bem.
1028	São obrigados a morrer em público	e fazer o segundo em segredo.
1029	Já imaginaram se	fosse o contrário?
1030	-Foder...	-Fazer amor.
1031	Dormir junto.
1032	Essa é ainda mais engraçada.
1033	Dormir juntos em público	e morrer em segredo?
1034	O final de muitas peças	e óperas seria chato.
1035	Sendo assim, o ator não morre e...
1036	estamos bastante seguros	de que não fode.
1037	Faz amor.
1038	-Dorme junto.	-Copula.
1039	-E o que significa isso?	-É o mesmo, mas sem enfeite.
1040	O ator não morre e...
1041	estamos bastante seguros	de que não copula.
1042	Ainda que nos peçam que	acreditemos em ambas as coisas.
1043	E é difícil que a cabeça	o aceite se o coração não quer.
1044	Se soubéssemos	que realmente morrem...
1045	para nos dar uma certa emoção,	algo de melancolia gratuita,
1046	nós sentiríamos o mesmo?
1047	Claro que não.
1048	No mínimo, nos sentiríamos	incomodados. Eu me sentiria incomodada.
1049	Por que diabos um ator	iria morrer num filme?
1050	Para proporcionar sofrimento?
1051	As pessoas morrem ao	nosso redor como moscas...
1052	e nós pagamos para ver	como fingem morrer como moscas.
1053	As pessoas fodem ao nosso redor,
1054	copulam, fazem amor,	dormem juntas...
1055	-O que mais queiram.	-Se fosse assim, não ganharíamos nada.
1056	Ia dizer,
1057	que vamos ao cinema	porque queremos pensar...
1058	que o fazem fora da tela,	em segredo.
1059	Talvez realmente o façam.
1060	Aquela atriz italiana	com verrugas talvez não faça.
1061	-Verrugas?	-É pouco provável.
1062	Uma atriz com verrugas	seguramente fará tudo em segredo.
1063	Incluindo atuar.
1064	Se os atores não morrem,	nem fodem, etc.,
1065	por que iríamos ao cinema?
1066	O cinema teria	desaparecido há anos.
1067	Cissie?
1068	Onde esteve esse tempo todo?	Como me achou?
1069	Não foi muito difícil te encontrar.
1070	Um homem que passa a vida	num cinema é uma atração.
1071	Mas não tinha idéia de que	trabalhava também num bordel.
1072	E com umas camas tão cômodas.
1073	Você é um personagem	misterioso.
1074	"O inglês que rasga os ingressos".
1075	Me dá a impressão de que o público	vem ver você, e não o filme.
1076	-O que?	-Igual a mim.
1077	Tem muita gente aqui.	Vamos para minha casa.
1078	-É muito distante?	-Não, é bem ali.
1079	Já vi "Joana D'arc" três vezes.
1080	Me surpreende...
1081	que a Gestapo te deixe projetar	um filme tão patriótico.
1082	O diretor é dinamarquês.
1083	Mas simpatiza com os franceses.
1084	Estão procurando outra Santa Joana.
1085	Ficarei dez minutos aqui.
1086	O que significa...?
1087	Que Trixie é muito virtuosa.
1088	Tem um dicionário de ditados	e pernas bem longas.
1089	E umas covinhas profundas na parte	de trás dos joelhos.
1090	Essa era a melhor forma	de chegar até você.
1091	Deus meu, está certa.
1092	-Oh, Deus.	-O que?
1093	O que é?
1094	31 	RAMO DE FLORES
1095	De um admirador.	Para sua amiga Trixie.
1096	De seu marido.
1097	Eu tenho para você um presente	melhor que umas rosas.
1098	Eu tenho motorista e carro.
1099	-E a catedral.	-Catedral?
1100	E o motorista e o carro são meus.
1101	A catedral pertence a Deus.
1102	Reúna-se comigo	em frente à catedral,
1103	às dez, no sábado à noite,	debaixo do pórtico.
1104	Debaixo dos anjos
1105	Debaixo dos anjos de Deus.
1106	Eu pertenço a um	grupo de salva-vidas.
1107	Mas eu nunca salvei ninguém,	não tive a oportunidade.
1108	-Por sorte.	-Tem que saber nadar.
1109	Nunca aprendeu?
1110	Minha especialidade eram	os cavalos que fugiam.
1111	Como está, meu amigo?
1112	-Estou morto?	-Está muito vivo.
1113	-Foi contra minha vontade.	-Ainda não é o mesmo.
1114	Tem de fazer de novo.
1115	-O que foi que disse?	-Pode ser que esteja louco.
1116	-Aonde vai?	-Afogar-me.
1117	Outra vez?
1118	Eu falei sério.
1119	-Por quê me tiraram?	-Para salvá-lo.
1120	Saltei para me salvar.
1121	Estou farto da vida.
1122	MALETA # 48.	ROSAS MORTAS.
1123	Cissie Colpitts estava	esperando no pórtico da catedral,
1124	na noite de doze de novembro.
1125	Luper nunca chegou.	Luper havia sido preso.
1126	Como aconteceu?	Tudo era especulação.
1127	Havia um bom número	de possibilidades.
1128	Cavalheiros do Júri,	chegaram a um veredicto?
1129	Chegamos, Excelência.
1130	Culpado por	homicídio em 2º Grau.
1131	E logo seu peito estava	coberto de sangue,
1132	E ela começou a gritar assim!
1133	Havia muitos planos	possíveis de fuga.
1134	A maioria deles copiados...
1135	das centenas de filmes que	Luper via no cinema " Arc-en-Ciel",
1136	de fato, em seu caso, a realidade	e a ficção eram a mesma coisa.
1137	As diferenças entre a realidade e	a ficção não eram relevantes.
1138	Uma situação que,	por interesse de certas pessoas,
1139	deliberadamente se	deixou sem resolução.
1140	Não está claro que artifício	Luper utilizou para escapar.
1141	Talvez se deveu à uma distração	causada por um bombardeio,
1142	Quando o cinema estava cheio	de moradores locais...
1143	que possuíam uma confiança 	injustificada no teto de cimento.
1144	Ou talvez saiu às escondidas...
1145	com um grupo de festeiros,	na noite de Natal,
1146	depois de mais	uma propaganda pró-francesa.
1147	MALETA # 49.	TRENS DE BRINQUEDO.
1148	...O lanterninha do " Arc-en-Ciel",	virou o bode expiatório.
1149	Mas se isso	devia-se à realidade...
1150	ou a uma intenção de	castigá-la por sua loquacidade,
1151	não se sabe.
1152	Se alguma vez	quis atuar em filmes,
1153	era uma forma muito curiosa	de ver realizados seus sonhos.
1154	-Não chorarei.	-Gosto assim.
1155	Adeus, Tulsey.
1156	O que é certo é que à meia-noite	de 14 de novembro de 1940,
1157	Cissie Colpitts desapareceu.
1158	77 	TREM
1159	Dispararam num dos gêmeos...
1160	que eram os diretores do cinema	" Arc-en-Ciel" de Estrasburgo.
1161	E Luper, seguramente ia num trem,
1162	acompanhado por duas crianças	e um caixão que cruzaria a França,
1163	dirigindo-se a Dinard,	na costa francesa.
1164	86 	CAIXÃO
1165	As Maletas de Tulse Luper	Episódio 6
1166	Este é um retrato	de Madame Moitessier,
1167	pintado em 1840	pelo pintor francês Ingres.
1168	Meus filhos me contaram	que você é um homem em apuros.
1169	Este é um segundo retrato	de Madame Moitessier,
1170	terminado seis anos antes.
1171	Meu marido e eu	estamos preocupados.
1172	Eu acredito em você.
1173	Podem ver como as mulheres	dos retratos...
1174	envelhecem de 23 a 36 anos.
1175	A despeito do segundo retrato ter	começado antes do primeiro,
1176	foi terminado depois deste.
1177	É muito difícil,	e eu sei que sabe disso.
1178	Neste retrato,	a mulher de carne e osso...
1179	foi envelhecendo enquanto	este permanecia inalterável.
1180	Enquanto neste retrato,
1181	a mulher foi pintada mais jovem	do que era na lembrança,
1182	em homenagem	a um estado anterior.
1183	Tempos difíceis.
1184	Poderia ser dito que este	era um quadro do futuro.
1185	E este era um quadro do passado.
1186	Uma fascinante	deslocação do tempo.
1187	Mas o tema destes quadros	carrega muito tempo morto.
1188	E sua tenra carne	branca estava em decadência.
1189	Perdi uma serva.	Seqüestrada à força.
1190	Suspeito que agora deva	estar na Alemanha...
1191	num campo de trabalhos forçados.
1192	"Cest la vie".	não se pode evitar, suponho.
1193	"Cest la vie".	não se pode evitar, suponho.
1194	É judia.
1195	Houve uma certa ressurreição	e reencarnação da desejável,
1196	embora de aspecto distraído,	Madame Moitessier.
1197	Não em 1840, em Paris,
1198	mas em 1940, em Dinard,	na costa francesa.
1199	Tulse Luper	conheceu esta reencarnação.
1200	E era,
1201	é, estou segura	de que continua sendo,
1202	"maleheureusement"	uma costureira maravilhosa.
1203	Você sabe costurar?	Você sabe bordar?
1204	-O botão de uma camisa.	-Bom, que pena.
1205	"Quelle domage".	Talvez possa aprender.
1206	MALETA # 50.	AGULHAS.	Me parece que a senhora	já tem uma excelente costureira
1207	Não ligue para ela.
1208	É muito feia.
1209	E cheira mal.
1210	Poderia ser de Argélia.
1211	Temos o direito de substituir	nossos serviçais perdidos.
1212	Mas não podemos contratar	um serviçal masculino.
1213	Todos os serviçais	homens sadios...
1214	foram convocados.
1215	No seu caso teria que aceitar	algum subterfúgio.
1216	É pegar ou largar.
1217	Nós somos artistas.
1218	Nestes tempos difíceis.
1219	Os artistas precisam de modelos.
1220	Ingres era um pintor de retratos	de grande renome.
1221	Desenhou e pintou mulheres	elegantes do Segundo Império...
1222	com grande experiência,
1223	mas Madame Moitessier lhe causou	consideráveis problemas.
1224	Começou este quadro	para logo abandoná-lo,
1225	para voltar a começá-lo	e abandonar de novo.
1226	No total, umas quatro vezes.
1227	Foi dito que o pintor	estava apaixonado por sua modelo.
1228	Falou para uns amigos...
1229	da brancura de sua garganta	e do volume de seus seios.
1230	Mencionou o encanto...
1231	de seu temperamento	repentinamente violento...
1232	e que havia notado nela...
1233	uma certa tendência	à crueldade calculada.
1234	Mas durante muito tempo	ele havia se queixado...
1235	de que o seu retrato	de Madame Moitessier...
1236	faltava algo,	que estava incompleto.
1237	Me sentiria muito honrada	se pudesse posar para nós,
1238	para aulas de desenho,	classes de pintura...
1239	nu.
1240	" Au naturel".
1241	-Outra coisa. Você é judeu?	-Não.
1242	Poderia provar?	É necessário convencer meu marido.
1243	É um perito em judeus.
1244	Talvez você deseje	ir ao corredor e...
1245	convencer meu marido	de que não é judeu.
1246	Tem um pouco de	corrente de ar aí fora.
1247	No entanto,	os dois devem se apressar.
1248	Tem um pouco de corrente	de ar aí fora.
1249	No entanto,	os dois devem se apressar.
1250	Silêncio, Félix.	Muito barulho.
1251	Eu estava apaixonado	pela sua predecessora.
1252	Mostre as mãos.	Ela tinha mãos muito bonitas.
1253	Compreendo que deve me	convencer de que não é judeu.
1254	-Não sou judeu.	-Demonstre.
1255	Se você é judeu	e vive na minha casa,
1256	na nossa casa,	nesta casa,
1257	preciso saber.
1258	Não penso em voltar a passar	por tão desagradável assunto.
1259	Não é seguro para	as crianças.
1260	Saberá que esta não	é uma prova conclusiva.
1261	Mas é claro que a circuncisão	é uma prova conclusiva.
1262	Noutros tempos, a circuncisão...
1263	foi uma obsessão prussiana de	saúde que estava muito em voga.
1264	Todos os membros	da família real inglesa,
1265	todos os bons alemães arianos	foram circuncidados.
1266	Talvez inclusive as mulheres.
1267	Essa é uma piada de péssimo gosto.
1268	Mesmo que haja	gentios circuncidados,
1269	sob nenhuma circunstância	encontrará judeus não circuncidados.
1270	Minha esposa nos pegou	no quarto das crianças.
1271	Ela ficou mais perturbada com o fato de	termos usado o quarto das crianças..
1272	do que com o próprio adultério.
1273	Temos um dilema.
1274	Você tem um dilema.
1275	Segundo sua definição,
1276	eu seria taxado como judeu,	mas não sou judeu.
1277	Pois será melhor que se comporte.
1278	Depois que minha esposa	nos encontrou juntos,
1279	organizou para que sua antecessora	fosse descoberta.
1280	MALETA # 51.	CHUVEIROS.
1281	Quando a detiveram,
1282	Marion estava no jardim...
1283	recolhendo couves.
1284	Tinha belas mãos.
1285	...recolhendo couves.
1286	Recolhia couves no jardim,	apenas para mim.
1287	Fitas vermelhas no cabelo,	para que não caísse sobre seus olhos.
1288	Onde está agora?	Marion, onde está agora?
1289	Não gosto de couve.
1290	A água do couve cheira	como a urina menstrual.
1291	A levaram a Rouen,
1292	e eu a segui.	A levaram a Lyon.
1293	A torturaram, eu sei.	Num salão escuro.
1294	Estava no chão.
1295	Por trás de um grande sofá.
1296	Com freqüência a vejo	por estes corredores,
1297	na hora do chá.
1298	Mais ou menos na hora em que	vinha me ver com sua coifa e seu avental.
1299	Deus!
1300	Cinco deles.	Os cinco uniformizados.
1301	Oh, Deus, não!
1302	A seguraram.
1303	Oh, Deus! Era chutada!
1304	Depois disso, quem sabe.	Talvez a levaram para Dachau,
1305	aonde me disseram ter uma	fábrica de meias.
1306	Cada prisioneiro judeu...
1307	tem que confeccionar cem pares	de meia por dia.
1308	Uma meta impossível	e muito pouco realista. Meias!
1309	"Les temps déseagréables".
1310	Minha esposa me	dá um pagamento...
1311	para procurar cadáveres	para dissecá-los.
1312	Agora mesmo,	a Europa está cheia de cadáveres.
1313	Na sua prisão em Moscou,
1314	Luper escreveu uma obra de ficção	intitulada " Augsbergensfeldt".
1315	Era a história de um anatomista	do início do século XVII,
1316	que buscava a alma humana...
1317	que segundo ele se encontrava	no corpo humano.
1318	Como por exemplo,	o córtex do cérebro,
1319	ou uma seção do coração,	ou parte do fígado ou do pâncreas.
1320	Luper, talvez sim talvez não,	se viu influenciado por ele...
1321	tenebroso espírito anatômico	e suas macabras investigações.
1322	" Augsbergensfeldt"	é uma obra de ficção...
1323	na qual Luper trabalhou ao longo	de sua estadia na prisão.
1324	Com freqüência se via obrigado	a começar novamente,
1325	quando cada manuscrito	se perdia ou era confiscado.
1326	Me enganaram.	Paguei por dois.
1327	Mas sigo esperando	a entrega de seu irmão.
1328	Que aparenta ser o	gerente de um cinema.
1329	No entanto, o outro gêmeo está	vivo e dominado por um grande pesar.
1330	Quer enterrar o corpo,	mas não o encontra.
1331	Pensou em realizar uma comparação...
1332	das glândulas linfáticas.
1333	Parece que lhe fuzilaram por...
1334	permitir que um importante	prisioneiro escapasse.
1335	Um comunista, sueco...	ou algo assim.
1336	Acusado de inúmeros delitos.
1337	Não entendo por quê se empenham	em fuzilar gerentes de cinema.
1338	O cinema é o único meio	que temos na atualidade...
1339	para escapar de nossas	inflexíveis e pequenas prisões.
1340	Não acha?
1341	Eu levo meus filhos	ao cinema regularmente.
1342	Parece mentira,	mas eles gostam dos filmes de fuga.
1343	Um gênero menor,	mas não medíocre.
1344	Segundo Martino Knockavelli,
1345	que supostamente ouviu	direto de Luper,
1346	Madame Moitessier empregou	uma mulher chamada Guam Ravillion,
1347	para que cuidasse	de seu extenso vestuário.
1348	É possível que fosse argelina,	caída em desgraça.
1349	Os Moitessier prosperavam em	conspirações e prisioneiros secretos.
1350	É possível que marido e mulher	competissem em prisioneiros,
1351	cada um tentando superar o outro	em conspirações de prisioneiros.
1352	Temos que engordar você.
1353	Não queremos que te levem.
1354	Vai tocar a tuba	numa manifestação.
1355	Cortaremos seu cabelo.
1356	Com o que não comer,	alimentaremos Charlie.
1357	Vai ficar encantado com ele.
1358	Poderia pedir ao seu marido	que deixasse de fumar?
1359	Me dá enxaqueca.
1360	Meu marido tem suas	próprias regras, Wolfgang.
1361	Não o direi o que deve fazer.
1362	-Achei que você gostasse de fumar.	-Seu hábito de fumar será minha morte.
1363	Oh, duvido disso.	Tua música será sua morte.
1364	Vou dizer o que faremos.
1365	Acho que deveria se parecer um	pouco mais com Schumann.
1366	Diga a Guam Ravillion que lhe corte	o cabelo como Schumann.
1367	Se ficar parecido com Schumann	não vão te levar.
1368	Odeiam os tísicos.	São muito românticos.
1369	Ademais, Schumann se parecia	um pouco com Ferdinand.
1370	E eu gosto disso.	E Charlie também.
1371	Charlie é um	King Charles Spaniel...
1372	que leva seu nome em homenagem	a Charles II, da Inglaterra.
1373	Esse sim que era um	homem e tanto, Wolfgang.
1374	Você não é muito nacional-socialista.
1375	-Por quê não ter um pastor alemão?	-Não, são muito feios.
1376	Au, Au, Wolfgang.
1377	''Bom, que meu próximo	pensamento seja da tumba''.
1378	A morte pode ser a melhor	carcereira de todas.
1379	Os quadros do dormitório	de Madame Moitessier,
1380	são os mesmos	que muito mais tarde...
1381	se converteram no centro	do romance "55 homens a Cavalo".
1382	Depois de conhecer	Constance Bulitsky,
1383	na Checoslováquia, em 1953,
1384	Luper escreveria uma	descrição muito fantástica...
1385	de cada um de seus 55 cavalos.
1386	O que está fazendo aqui?	Você é meu servo, não dela.
1387	Trazia o café da manhã.
1388	Estava admirando os quadros.
1389	A carne de cavalo lhe interessa?
1390	Pertenciam a minha mãe.
1391	55 deles.
1392	Valor: 55 favores.
1393	Faça-me 55 favores,	e pode ficar com eles.
1394	Um após o outro.
1395	MALETA # 52.	55 HOMENS À CAVALO.
1396	Noutros tempos,	grande parte da diplomacia,
1397	se baseava nos resgates.
1398	Vamos devolver o seu prisioneiro	vivo por 400.000 francos.
1399	A metade disso pelo cadáver.	É muito dinheiro.
1400	O resgate de um Rei.	Como Ricardo I da Inglaterra.
1401	-"Coeur de Lion".	-Bom.
1402	Eu sou um resgate profissional.	Mas ninguém oferece dinheiro por mim.
1403	-eu tenho alguns francos.	-Não é o suficiente, Cecile,
1404	mas obrigado.
1405	Alguns prisioneiros passaram	toda a vida nessa situação.
1406	Ninguém queria recuperá-los.
1407	Era uma maneira de livrarem-se	dos indesejáveis.
1408	O que são indesejáveis?
1409	Ciganos, aleijados,	cegos, homossexuais...
1410	O que são homossexuais?
1411	Homens que gostam de homens	e mulheres que gostam de mulheres.
1412	Não gostamos de tais	conversas por aqui.
1413	Intelectuais, como seu pai.
1414	-Generais estrangeiros	-Maus serviçais.
1415	-Judeus.	-Sim, judeus.
1416	Marion era judia.
1417	Papai, por que está chorando?
1418	Porque eu amava Marion.
1419	Sim, já sabemos.	Mamãe nos disse.
1420	Luper a viu.
1421	Sério?	Bobagem.
1422	Tinha uma mulher que me olhava	no fim do corredor.
1423	Estava sentada no vaso.
1424	Devia ser Guam Ravillion.	Ela tinha péssimos hábitos de higiene.
1425	Era muito grande para	ser Guam Ravillion.
1426	Você não gosta de Guam Ravillion,	não é mesmo, papai?
1427	Também era uma serviçal.
1428	Em qual banheiro?
1429	No de trás,	do jardim da cozinha.
1430	É permitido gostar dos serviçais?
1431	Claro.
1432	Assim é mais fácil gostar de você.
1433	Se os homens podem	gostar dos homens...
1434	e as mulheres das mulheres,
1435	posso deixar de me preocupar	se você é um homem ou uma mulher,
1436	Não é mesmo?
1437	Tudo é muito triste.
1438	É evidente que Madame Moitessier	gostava dos joguetes,
1439	dos disfarces e dos rituais.
1440	Sem dúvida, eram das coisas	que lhe davam poder...
1441	sobre os desafortunados	que a rodeavam.
1442	Seus cães, importados em grandes	quantidades de Staffordshire,
1443	a ajudavam a manter a ordem,	como fazem os cães.
1444	Mas tinha de haver	freqüentes execuções.
1445	E o jogo chamado	de "Os 6 cães" era o preferido.
1446	Um, dois, três.
1447	Um... por seu marido.
1448	Um... por si mesma.
1449	Um por Wolfgang Speckler.	O inútil compositor.
1450	Um por Guam Ravillion,	a serviçal devota.
1451	Um por Marion,	a desaparecida costureira judia.
1452	Um por Martha,	o fantasma asmático residente.
1453	E o sétimo...	Seria por Tulse Luper?
1454	Ravillion foi castigada	por atrever-se a supor isso.
1455	MALETA # 53.	CÃES DE PORCELANA.
1456	Nunca deve meter os dedos	dentro dos copos de cristal, não o faça.
1457	Deve pegá-los pelo braço.
1458	O pé.
1459	Nem sopre neles.	Assim se propagam os ''vermes''.
1460	-Germes.	-O que são os germes?
1461	São como os ''germânicos''.	São venenosos.
1462	-Mamãe toma veneno.	-Ah, é?
1463	Está na garrafa azul da suíte.
1464	Vou buscá-la.
1465	Poderíamos provar algo	na taça de cristais.
1466	A taça de cristal da sobremesa.	Esqueça-se do plural ao pronunciá-lo.
1467	Nunca aprenderá	a dobrar os guardanapos.
1468	Deveriam ficar como barcos velados.
1469	Barcos à vela.	Não velamos os barcos.
1470	Não consegui encontrar o veneno,
1471	Mas encontrei isto	É uma pistola.
1472	-Isto é um revólver.	-Ou uma automática.
1473	Por que se usa tantas palavras	para definir uma só coisa em inglês?
1474	Porque é o inglês é insaciável
1475	MALETA # 54.	PINCÉIS.
1476	Os convidados do jantar	se viram num dilema.
1477	Tinham de pintar o que viam?
1478	Ou tinham de pintar o	que esperavam ver?
1479	Ou o que queriam ver?
1480	Vieram para pintar uma mulher...
1481	mas se depararam com o	corpo de um homem.
1482	Todos eram colaboradores políticos	de um tipo ou de outro.
1483	Mas também estavam dispostos...
1484	a alimentar-se na mesa	dos Moitessier.
1485	Se pintassem Luper como mulher,
1486	se submeteriam à lei	das forças de ocupação,
1487	segundo a qual uma casa podia	empregar uma serva,
1488	mas não um servo varão.
1489	Se o pintasse como homem,	estariam obedecendo a seus olhos,
1490	mas trairiam os Moitessier.
1491	Alguns escolheram o caminho,
1492	com a verdade e a inocência,	das forças de ocupação.
1493	Outros escolheram o caminho oposto,	e acabaram por trair a todo o resto.
1494	Não havia forma de algum deles	preservar sua integridade,
1495	a verdade de seus olhos,	ou o oportunismo,
1496	tudo ao mesmo tempo.
1497	Alguns esquivaram o problema.	E Luper se transformou...
1498	num hermafrodita de sexo	indeterminado ou sem sexo algum.
1499	Uma mulher o pintou	completamente vestido,
1500	o que foi um ato de	imaginação, não de observação.
1501	MALETA # 55.	DESENHOS DE LUPER.	Luper contemplou as várias formas 	de consertar a imagem de si mesmo
1502	...governada pelos olhos, o	conhecimento e a conveniência,
1503	o fiz pensar na proposição:
1504	"Um artista desenha	o que conhece ou o que vê?"
1505	Estava acordado na despensa	dos Moitessier...
1506	e escreveu uma obra intitulada	"O Conflito do Desenhista".
1507	Muitos anos mais tarde,	a transformaram em filme.
1508	-A de Abacaxi.	-P de Pêssego.
1509	Para o desenho número 2,
1510	das 9 da manhã	até as 11,
1511	o gramado de trás,
1512	incluindo o jardim da frente,	ficarão desocupados.
1513	Nenhuma janela da parte de cima	da casa se abrirá,
1514	nem fechará,	nem nada será feito com elas.
1515	O DESENHISTA
1516	São os sentinelas,	vi o clarão.
1517	-Estão vigiando.	-Sempre dispostos a disparar.
1518	Não respeitamos o toque de recolher.
1519	Viram a luz vermelha	da ponta de seu charuto.
1520	-Não diga besteiras.	-Isso não é violação do toque de recolher.
1521	MALETA # 56.	INSTRUMENTOS MUSICAIS.	Wolfgang Speckler fumava no jardim	e a brasa de seu charuto...
1522	...violou as estritas ordens do	toque de recolher militar.
1523	Como havia previsto,	fumar foi, de fato,
1524	a causa de sua morte	e não suas composições musicais.
1525	Luper ia saber de outro compositor	de língua alemã ainda mais célebre,
1526	Anton Webern,
1527	o qual tinha tido o	mesmo fim por igual razão.
1528	Luper escreveu uma trama	para explicar a coincidência,
1529	e mais tarde	se converteu numa ópera.
1530	3. 	UM CHARUTO
1531	Estes são os ingredientes	para evitar uma conspiração.
1532	MALETA # 57.	CHARUTOS FUMEGANTES.
1533	Pulmões, rins, testículos...
1534	O caixão que acompanhou	Luper em sua viagem de trem...
1535	desde Estrasburgo a Dinard,
1536	continha o cadáver	do gerente do cinema " Arc-en-Ciel".
1537	Seu vingativo gêmeo	tivera a mesma sorte,
1538	e virou um cadáver...
1539	para as dissecações anatômicas	comparativas de Moitessier.
1540	Obrigado, Luper.	Você é minha mascote da sorte.
1541	MALETA # 58.	PARTES DO CORPO.
1542	Nunca fui completamente 	sincero com você.
1543	Devo compartilhar minha alegria.
1544	Esta é Marion.	Como realmente é.
1545	Meu amor.
1546	Observará como são majestosas	as características que a identificam.
1547	E posso reclamar certo mérito por isso.
1548	Graças a mim.
1549	O que você não daria, Luper,
1550	para ser tão bem dotado	como meu amor?
1551	Você deveria se oferecer a mim e...
1552	ser um homem orgulhoso.
1553	Deus.
1554	Venha se sentar comigo.
1555	Madame?
1556	Sente-se comigo, junto à janela.
1557	Wolfgang se foi.
1558	Sinto-me sozinha.
1559	Madame, não posso fazê-lo.
1560	Por que não?
1561	Essa conduta não se reflete	na natureza de meu contrato.
1562	Contrato?	Não tem nenhum contrato.
1563	Você é minha faxineira.
1564	Tem de fazer o que eu disser.
1565	-Tem de se calar e tem de gostar.	-Sim, Madame.
1566	-E aproveitar.	-Exatamente, Madame.
1567	Caso contrário,	vai voltar para algum país obscuro,
1568	onde não há nenhum assento	de latrina de madeira...
1569	e onde Deus é uma palmeira.
1570	Sim, Madame, assim está melhor.	Muito melhor.
1571	Mas você baixou a guarda.
1572	MALETA # 53.	QUADROS DE INGRES.
1573	Me pediu para que sentasse	com você e sorrisse.
1574	Eu nunca sorrio.	Ingres nunca pintou rostos sorridentes.
1575	Sua devoção por Ingres,	Madame, se enfraquece.
1576	Como se atreve?
1577	Minha devoção por Ingres é total.
1578	Me deu permissão para desafiá-la	e isso não me parece correto.
1579	Quem lhe deu permissão para	dizer o que pensa, faxineira?
1580	Infelizmente, você.
1581	Baixou a guarda.
1582	E é possível que volte a fazer,	e não posso aceitar isso.
1583	Você é um estrangeira impertinente,	com o útero infectado!
1584	Ótimo, Madame.	Mas é tarde demais.
1585	Eu sinto muito,	mas é tarde demais.
1586	Oh, Deus,	o que vou fazer, Madame?
1587	-Terminou.	-O que terminou?
1588	Nós, Madame!
1589	Com a pele perfurada,	o cabelo sujo! Que "nós"?
1590	Isso não é verdade!	Louca estúpida, fora da minha vista!
1591	Sim, Madame.	Mas terminou.
1592	Você falhou comigo!
1593	É possível que Guam Ravillion...
1594	tivesse algo a ver	com a morte de Wolfgang.
1595	É possível que pensasse	que o antagonismo de Madame...
1596	repartido entre suas duas faxineiras	fosse muito diluído.
1597	E que ela queria ser o único	centro de seu desprezo.
1598	E atirou nele.
1599	Mas a possibilidade de	que adquiriu um rifle...
1600	e que, além disso, tivesse boa pontaria,	é muito pouco provável.
1601	Pelo contrário, a haviam acusado	de assassinato na Argélia,
1602	quando seu amante, supostamente,	lhe deu uma cama de plumas.
1603	O menino insiste em ver...
1604	a ''mulher com o vestido	vermelho que parece um homem''.
1605	Luper recebeu um enigmático presente	numa sacola de papel pardo.
1606	Cerejas.	Emblema de muitas das coisas...
1607	que lhe haviam afetado	em suas aventuras.
1608	Mas se tratava de uma fraude.
1609	Muito doces e	conservadas artificialmente.
1610	Vamos jogar um famoso jogo	de contar inglês.
1611	Ia ter uma solução...
1612	muito doce e artificial	ao seu encarceramento?
1613	ou era um aviso da iminente	presença dos seus perseguidores?
1614	Ou uma indicação de que	Cissie Colpitts pensava em resgatá-lo?
1615	Um agitado Luper converteu	o presente...
1616	num jogo de adivinhações	enquanto esperava sua oportunidade.
1617	-Você vai acabar sendo um mendigo.	-Eu não.
1618	Eu serei um soldado	para fazer voar os alemães.
1619	Jonah!
1620	Funileiro.
1621	Alfaiate. Soldado. Marinheiro.
1622	Homem rico.	Homem pobre. Mendigo.
1623	-Soldado.	-Ladrão.
1624	Não pode repetir soldado.
1625	Funileiro. Alfaiate.	Soldado. Marinheiro.
1626	Homem rico. Homem pobre.	Mendigo.
1627	Artista.
1628	Melhor artista que ladrão.	Não sei, talvez não.
1629	Espião.
1630	Deveria ser ladrão.
1631	Funileiro, alfaiate,	soldado, marinheiro.
1632	Homem rico,	homem pobre.
1633	-Mendigo.	-Patriota.
1634	Espião.
1635	-Colaboracionista.	-Espião!
1636	-Ferreiro.	-Palhaço e avarento.
1637	-Cozinheiro e amante.	-Presidiário, predicante.
1638	-Algoz e vagabundo.	-Virgem, carniceiro.
1639	Rei Holandês.
1640	Anjo!
1641	MALETA # 60.	VIDRO QUEBRADO.
1642	A morte de Madame Moitessier,	a finalização do retrato.
1643	Era isso o que faltava e	que Ingres não podia encontrar?
1644	MALETA # 61.	OS VESTIDOS DE MOITESSIER.
1645	Luper foi acusado de assassinato,	mas já que não podiam encontrá-lo...
1646	ou talvez porque estivesse	estranhamente protegido,
1647	a polícia buscou outros suspeitos.
1648	Na delegacia de polícia	foi descoberto que a arma...
1649	apenas tinha as impressões	digitais das crianças.
1650	Monsieur Moitessier não fez nenhuma	súplica a favor das crianças.
1651	Estão querendo me torturar!
1652	Inclusive chegou a sugerir	que Madame Moitessier...
1653	não era sua mãe.
1654	Num informe da policia	tentou-se transformar o caso...
1655	num assassinato por encomenda.
1656	Que Luper se dedicava	a receber ordens...
1657	de uma agência do	partido comunista norte-americano,
1658	e que a criança, Jonah,
1659	havia apertado o gatilho,	mas que Luper tinha dado a ordem.
1660	Luper era um conhecido	simpatizante dos judeus.
1661	E em dúvida ouvira falar...
1662	da deportação forçada	de Marion Haberlien,
1663	conhecida pela Gestapo por suas	façanhas nas cafeterias de Dinard,
1664	como a "Pompadour" judia.
1665	Meus filhos querem me torturar.
1666	Meus filhos querem me torturar.
1667	Homem rico, homem pobre!
1668	Meus filhos querem me torturar.
1669	Monsieur Moitessier alegou que	seus filhos queriam atormentá-lo.
1670	Que contrataram um vagabundo	chamado Rufus,
1671	para fingir ser seu grande amiga	já falecida, Marion Haberlien,
1672	e para obrigá-lo a viver na adega,
1673	e que intimidaram Moitessier	fingindo que Marion havia ressuscitado.
1674	Meus filhos querem me torturar!
1675	Meus filhos querem me torturar!
1676	Meus filhos querem me torturar!
1677	Legendas: Gianfranco Marchi 	Revisão: Vander Colombo
1678	MOVIMENTO CINEMA LIVRE